Buscar
  • Vinicius Vital

Prefeitura do Rio pretende vacinar até o fim de abril moradores com 60 anos ou mais

ONDA CERTA FM 99.5

Doses da vacina CoronVac, produzida pelo Instituto Butantan, em São Paulo Foto: Márcia Foletto

RIO - O prefeito do Rio, Eduardo Paes, anunciou nesta sexta-feira que pretende vacinar pessoas com 60 anos ou mais até o fim de abril. Para isso, Paes pediu apoio das Forças Armadas com o objetivo de aumentar os postos de vacinação na capital.

- Estamos conversando com o ministro da Defesa para que as Forças Armadas ajudem na montagem de novos locais de vacinação. O Instituto Butantã está em ritmo total e a Fiocruz também – disse Paes durante o anúncio do último Boletim Epidemiológico de Covid-19 na cidade.


Segundo o prefeito, quanto todos os idosos até 60 anos estiverem vacinados, a probabilidade é que os números comecem a melhorar, uma vez que a maioria das internações, cerca de 80%, é de pessoas justamente nesta faixa etária.

- Lá para o Dia de São Jorge [23 de abril], podemos ter todos os idosos vacinados, e aí a gente pode flexibilizar muito. Não caia na conversa de maluco de que a vacina faz mal. Meus pais foram vacinados e estão ótimos – alertou o prefeito.

Na quinta-feira, o governador em exercício do Rio, Cláudio Castro, anunciou a criação de um calendário único de vacinação. A medida já foi, inclusive, publicada em Diário Oficial, em meio a outras medidas de combate à Covid-19. Castro prometeu divulgar mais detalhes da iniciativa na próxima segunda-feira.

O Rio registrou na última semana o seu pior momento desde o início da pandemia de Covid-19. De acordo com declaração nesta sexta-feira do secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, atualmente são 663 pessoas internadas em leitos de CTI. A mortalidade nas UTIs da cidade chega a 40%, acrescentou o secretário.

Luiz Ernesto Magalhães

3 visualizações0 comentário
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now