Buscar
  • Vinicius Vital

Ventania atingiu bairros do Rio de Janeiro na madrugada dessa quarta-feira

A madrugada foi de ventos fortes no Rio, o que ocasionou quedas de árvores em diversos bairros, de acordo com o Centro de Operações Rio (COR). Até às 10h30, pelo menos dez ocorrências estavam em andamento. Às 3h, as rajadas alcançaram 62,3 km/h no Forte de Copacabana, consideradas fortes; 36,4km/h na Vila Militar; 26,6 km/h em Jacarepaguá; 27,8km/h no Aeroporto Galeão; e 18,5km/h na Base Aérea de Santa Cruz, que são considerados moderados.

O vendaval foi causado pela frente fria que se aproxima da cidade. Segundo o Sistema Alerta Rio, da prefeitura, estão previstos ventos de intensidade moderada a forte ao longo desta quarta-feira. Há aviso de ressaca.


Na Zona Sul, teve queda de árvore em Ipanema, na Rua Gomes Carneiro que segue parcialmente interditada na altura do número 71. No Vidigal, foi na Avenida Presidente João Goulart, na altura da Lage do Neguinho. Ainda há bloqueio na via. Também seguem com operação de limpeza a Estrada das Canoas 2.311, em São Conrado; o acesso para a Estrada das Canoas a partir da Lagoa-Barra e a Rua Humaitá, na altura do Largo dos Leões, no Humaitá. Na Praça Rinaldo De Lamare, na Avenida Niemeyer, na Rocinha, a viação foi atingida por uma árvore.

creditos: EXTRA


5 visualizações
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now